A importância de algumas vacinas na prevenção do câncer


Algumas vacinas são capazes de evitar infecções por vírus sabidamente relacionadas a certos tipos de câncer: - vírus da hepatite B, que favorece o desenvolvimento do hepatocarcinoma, - e vírus do papiloma humano (HPV), que está associado a alguns tipos de câncer, entre eles o do colo uterino. Por isso, é fundamental seguir rigorosamente o calendário de vacinação, conforme proposto pela Sociedade Brasileira de Pediatria e pelo Ministério da Saúde. A vacina contra a hepatite B começa a ser administrada próximo ao nascimento, e é repetida várias vezes durante a infância. Recomenda-se a administração da vacina contra o HPV entre 9 e 13 anos de idade, mas isso não significa que ela não possa ser administrada mais tardiamente, para jovens e adultos de qualquer idade. As duas vacinas devem ser dadas em meninos e meninas. Como são doenças que podem ser transmitidas em contatos íntimos, sem que as pessoas infectadas pelos vírus saibam de sua condição, recomenda-se que a vacinação seja completada ainda na pré-adolescência.

Fonte: Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, Guia prático para prevenção do câncer


12 visualizações0 comentário

Av. Manoel Goulart, 3309 - Pres. Prudente / SP

Tel: 18-3904-5400

©  2017 por Mariana Carolina de Mattos Dipi